Intercâmbio com amigos: é possível fazer intercâmbio em grupo?

Viajar sozinho é bom, mas pode ser ainda melhor se tiver a companhia de alguém especial. E sabia que é possível fazer intercâmbio com um ou com um grupo de amigos? Listamos alguns motivos que vão fazer você querer chamar um amigo para compartilhar essa experiência única!

Além de ter uma companhia desde o seu embarque, ter um amigo acompanhando pode te ajudar a economizar. Afinal, vocês poderão dividir os gastos com moradia e alimentação, por exemplo. Na maioria das residências estudantis e casas de família, o valor da acomodação é mais baixo quando você escolhe um quarto compartilhado. E dependendo da quantidade de amigos viajando juntos, pode até compensar alugar um apartamento ou casa, aumentando ainda mais a independência.

Podemos dizer que o principal motivo para não fazer um intercâmbio sozinho é a sensação de companheirismo e apoio que um amigo pode trazer. Esses motivos o tornam uma modalidade ideal para quem tem insegurança para viajar sozinho, está viajando para outro país pela primeira vez ou para quem é mais tímido. Outro motivo crucial é o conforto maior para a família do intercambista, que pode obter noticias de formas mais rápidas e se sentem mais seguros pois o estudante não ficará sozinho durante o intercâmbio.

Outro ponto que merece destaque, é que ter uma companhia pode fazer o seu tempo livre ser bem mais proveitoso e divertido. Vocês poderão fazer viagens para cidades vizinhas nos finais de semana, explorar mais lugares e ainda praticar em casa o que cada um aprendeu em sala de aula.

Sobre as aulas, não podemos garantir que vocês vão estudar na mesma sala, pois vai depender do nível do idioma de cada pessoa. Mas sabe qual o ponto positivo disso? É bem provável que os amigos de turma do seu amigo também criem laços de amizades com você. O que torna a viagem ainda mais incrível e a vivência cultural mais intensa.

Para os adolescentes, diversas escolas oferecem intercâmbio em grupo nas férias escolares, normalmente em Janeiro e Julho. Então o intercambista não precisa necessariamente sair do Brasil com um amigo. Chegando no destino, ele ingressará em uma turma com pessoas do mundo inteiro, em sua faixa etária e com guias acompanhando todas as suas atividades e passeios.

Um ponto negativo, mas que é importante ressaltar, é que conviver com pessoas do seu país natal, pode fazer com que vocês conversem entre si em português ao invés de falarem o idioma que foram estudar. Então, sugerimos que já façam um combinado, antes da viagem, para evitarem isso ao máximo e assim aproveitar o curso da melhor forma possível: com imersão na língua e na cultura do país de destino.

Costumamos dizer que intercâmbio é uma experiência que gostaríamos que todo mundo tivesse a oportunidade de experimentar pelo menos uma vez na vida. Muito além dos mimos, a sua bagagem volta cheia de bons momentos, amadurecimento, conhecimento de novas culturas e novos hábitos. E com um amigo ao seu lado, voltará também com uma amizade ainda mais fortalecida.

E então, já tem alguém em mente para viver essa aventura com você? Compartilhe com ele(a) esse post!

 

Gostou? Precisa de alguém pra ajudar a planejar seu intercâmbio?

Clique aqui e fale agora mesmo com a gente!

Add Comment

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: